• foto
Histórias de Violência: Um diálogo entre obras da Coleção Treger/ Saint Silvestre aborda a questão da destruição para que tendem os humanos, lançando interrogações sobre esta tendência, as suas origens e as suas relações com a arte. Entre os mais de 50 artistas representados estão os grandes clássicos de arte bruta como Henry Darger e Friedrich Schröder-Sonnenstern e nomes da arte contemporânea como Robert Combas ou Gonçalo Mabunda.
A exposição apresenta pinturas, esculturas, desenhos da coleção Treger/Saint Silvestre em diálogo com obras de outras coleções.
O autor do projeto de exposição é Gustavo Giacosa que, a par da sua atividade de ator e encenador de teatro, tem desempenhado um papel fundamental na interpretação das artes visuais marginais, dos seus cruzamentos com a arte contemporânea e as artes performativas. Em novembro de 2017 foi o comissário da terceira bienal de Arte Bruta de Lausanne, onde apresentou a exposição “Corps”.

Histories of Violence: A dialogue between the works from Treger/Saint Silvestre Collection investigates the idea of destructiveness inherent to human beings and initiates a debate on this tendency, its origin and relation to art. Among over 50 featured artists are the grand classics of Art Brut, such as Henry Darger and Friedrich Schröeder-Sonnenster, and renowned contemporary artists, like Robert Combas or Gonçalo Mabunda. The exhibition present paintings, sculptures and drawings from the Treger/Saint Silvestre Collection in a dialogue with works from other collections. The author of the exhibition project is Gustavo Giacosa who, alongside with his activities as an actor and stage director, has played a fundamental role in interpretation of marginal visual arts and their points of encounter with contemporary and performance arts. In November of 2017 he became the curator of the Third Biennial of Art Brut in Lausanne where he had presented an exhibition entitled “Body”.

Henry Darger, The Glandelinians caught in the act by the ferocious Lagorian girl scouts […]. 1930-1950. Foto: André Rocha © Núcleo de Arte da Oliva, S. João da Madeira

Patente no Núcleo de Arte da Oliva até 14 de outubro 2018.
Todos os direitos reservados - © S. João da Madeira - Turismo Industrial